Publicado em: 15/07/2019 às 11:14
Ônibus do TCA terão reconhecimento por biometria facial
Tecnologia que começou a ser instalada esta semana tem como objetivo evitar uso indevido do cartão por usuários que usufruem de algum tipo de benefício
SecomPara aquisição dos aparelhos foi aberta licitação pelo Setor de Compras do TCA

 

O TCA (Serviço Municipal de Transportes Coletivos de Araras) iniciou a instalação de novos validadores de cartão com biometria facial nos ônibus da frota. O objetivo, segundo a autarquia, é evitar o uso indevido do cartão por usuários que usufruem de algum tipo de benefício.

O sistema será aplicado para os beneficiados com o vale-transporte empresarial, passe escolar e atleta, além de aposentados, deficientes físicos e funcionários públicos. Todos os usuários, exceto os que utilizam o vale-transporte comum, deverão fazer o recadastramento nos guichês do Terminal Urbano a partir de agosto. Após o início do recadastramento, o transporte público irá operar com os sistemas novo e antigo pelo prazo de 90 dias. Após o término desse período, os ônibus utilização apenas o modelo com biometria facial.

“O novo sistema irá ajudar a combater tanto a evasão de receita quanto o uso irregular do transporte público. Com isso, o uso só poderá ser realizado pelo titular por meio da identificação facial que foi cadastrada”, explicou o presidente do TCA, Élcio Rodrigues Júnior.

Para aquisição dos aparelhos foi aberta licitação pelo Setor de Compras do TCA e a vencedora foi a empresa DataProm, que opera em 60 cidades de 15 Estados. A tecnologia terá custo mensal de aproximadamente R$ 29 mil.

“Este novo aparelho, além de evitar fraudes pelos próprios usuários, irá nos auxiliar na recuperação de R$ 50 mil por mês. Também acabará com a burocracia no caso dos vales-transporte de empresas, que passarão a realizar a recarga dos cartões e cadastro dos funcionários”, finalizou Elcio.

Secom/Prefeitura de Araras