Notícias / Covid-19
Publicado em: 17/09/2021 às 15:07
Com a melhora dos números em relação à Covid-19, Pronto-Socorro da Santa Casa é reativado para atendimentos de urgência e emergência
Maiores de 12 anos com sintomas graves podem procurar atendimento diretamente na Santa Casa; menores de 12 anos e pessoas com sintomas leves e moderados devem procurar UPA 24h

Assista o vídeo com a diretora do Pronto Socorro :

Até então, todos os atendimentos não relacionados à Covid-19 estavam sendo direcionados para UPA 24h
CRÉDITO: W Danilo/Secom

 

O avanço da vacinação contra a Covid-19 e a melhora dos dados associados à pandemia possibilitou a retomada dos atendimentos de urgência e emergência no Pronto-Socorro da Santa Casa de Misericórdia.

Neste primeiro momento, pessoas com mais de 12 anos, que apresentem sintomas graves, como suspeita de AVC, infarto, doença cardiovascular, dores abdominais incapacitantes com outros sintomas associados, com febre e pacientes com múltiplas comorbidades, como diabetes e hipertensão podem procurar o local para atendimento médico.  Além disso, a Santa Casa continua sendo a unidade de referência para Covid-19, Samu e ambulância.  

Já pacientes com sintomas leves e moderados e menores de 12 anos devem procurar a UPA 24 horas “Elisa Sbrissa Franchozza”, na região leste da cidade.

“Devido à pandemia, passamos por um processo caótico, com a estafa de toda equipe. Com isso, pra direcionar melhor o atendimento aos “pacientes covid” tivemos que direcionar o fluxo e dividir mesmo. Quem tinha “covid” era atendido na Santa Casa, já quem apresentava outros sintomas procurava a ajuda da UPA. Agora, voltamos à realidade próxima do que era o nosso normal no Pronto Atendimento”, explicou a coordenadora do Pronto-Socorro, Tamyres Butilkofer.

Até então, todos os atendimentos não relacionados à Covid-19 estavam sendo direcionados para UPA 24h. Somente atendimentos de urgência e emergência encaminhados da unidade ou atendidos pelo Samu e ambulâncias estavam sendo transferidos para a Santa Casa, que chegou a ter 100% de sua ocupação total utilizada nos meses mais graves da pandemia.

“A reativação do Pronto-Socorro da Santa Casa é reflexo direto do atual momento da pandemia. Com o avanço da vacinação, os dados apresentaram melhora significativa, com diminuição expressiva nas internações e óbitos pela Covid-19. Neste cenário, a unidade volta a ter a capacidade de realizar esses atendimentos de urgência e emergência e a trabalhar o mais próximo possível de um normal”, explicou o secretário da Saúde, Agnaldo Piscopo.

 

Secom/Prefeitura de Araras