Notícias / Segurança
Publicado em: 19/03/2020 às 15:37
Coronavírus: GCM adota medidas preventivas no atendimento de ocorrências
Viaturas passam a contar com kits que incluem álcool em gel, máscaras, pares de luvas, gaze para limpeza ou cobertura de curativos em geral e também faixas
SecomMedida foi implantada pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Civil
 
 

A GCM adotou medidas preventivas no atendimento de ocorrências na cidade, visando evitar casos de coronavírus em Araras. A partir desta quinta-feira (19), as viaturas começaram a receber kits com álcool em gel, máscaras, luvas descartáveis, entre outros materiais, para garantir a higiene adequada e a saúde tanto de quem atende as solicitações quanto da população.

Os guardas que trabalham nas rondas ostensivas pelas ruas acabam tendo contato direto com as pessoas. Os kits foram montados pelo pessoal administrativo da GCM, com apoio do setor de logística, da limpeza e do comando da corporação. A medida foi implantada pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Civil.

O secretário da pasta, Wanderleim Geraldo Junior, explica a nova ação. “A palavra de ordem é prevenção para todos. A rotina dos agentes é estar nas ruas, todos os dias, defendendo a população e, para isso, estamos assegurando que eles estejam mais seguros para, consequentemente, dar mais segurança à sociedade”, comentou ele.

Os agentes do Demutran (Departamento Municipal de Trânsito) também receberão os kits. Outras medidas também foram adotadas na corporação, como limpeza mais frequente das viaturas, principalmente, envolvendo higienização de volante, câmbio, maçanetas e demais objetos com os quais os gcms têm contato direto.

 

Suspeitas na cidade

Araras, atualmente, tem seis suspeitas notificadas e sob investigação para coronavírus. Os pacientes aguardam resultados de exames do Instituto Adolfo Lutz para diagnóstico. A previsão é que as análises sejam concluídas em 15 dias, mas o prazo depende da logística e da demanda do laboratório.

Os pacientes, que apresentaram sintomas como dor de cabeça, tosse, dificuldade respiratória e febre, estão em isolamento domiciliar, medida adotada pelo Ministério da saúde para pacientes com sintomas suspeitos. A ação preventiva é realizada durante o período de possível transmissão do vírus, que dura cerca de 15 dias.

Durante essas duas semanas, o paciente deve permanecer em locais bem ventilados, evitar receber visitas e também ter contato próximo com outros moradores da residência. A recomendação da Organização Mundial da Saúde é manter distância mínima de um metro do paciente.

A transmissão do coronavírus acontece por meio de gotículas respiratórias e o período de incubação do vírus pode chegar até a 15 dias, tempo em que os primeiros sintomas podem levar para aparecer desde a infecção.

Evitar locais com aglomeração de pessoas, lavar corretamente as mãos e cobrir a boca ao tossir e espirrar estão entre as principais medidas preventivas. Em caso de dúvida, os ararenses podem ligar para a Secretaria Municipal de Saúde para serem orientados. O telefone é 3543-1522.

Secom/Prefeitura de Araras